Neste Blog, o Dr. Paulo Branco irá publicar matérias sobre as suas especialidades, além de responder duvidas e interagir com seus leitores e pacientes.
Fique sempre atualizado para saber das melhores e mais inovadoras técnicas para desenvolver seu bem estar e qualidade de vida.
Envie suas dúvidas e perguntas para: paulobrancoprocto@gmail.com

Youtube - Dr. Paulo Branco

Youtube - Série especial de vídeos

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Gay: Sua dificuldade na consulta proctologica


Gay: Sua dificuldade na consulta proctologica
Ao longo dos meus 13 anos de atendimento na minha clinica ao publico GLBT, recebi  as mas diferentes criticas e reclamações feitas por esse publico através de e-mail, redes sociais, msn, celular sobre o atendimento na área da saúde, principalmente na proctologia realizada nos ambulatórios e consultórios. As principais, foram:

1- Atendimento rápido:
O profissional, mal escutou a minha historia clinica e já saiu pedindo os exames, e o que mas me  impressionou ou mesmo assustou foi que muitos destes exames foram dirigidos a DST.
Comentário: Dr. Paulo Branco
Já me vi diante desta situação no meu consultório e o paciente estava muito triste, magoado e falava que os exames foram pedidos pelo fato de ser gay. Lembrar que o dialogo em medicina tem uma importância crucial para uma impressão ou mesmo uma confirmação diagnostica, principalmente em proctologia onde a grande maioria das doenças poderão ser vistas somente pela inspeção clinica ou estão ao alcance de um toque ou de um pequeno endoscópio (anuscopio), porem o medico deverá ter tempo para escutar e examinar o seu paciente o que não tem na maioria das vezes. Este endoscópio faz parte da rotina das minhas consultas em proctologia. Se eu achar necessário fazer o exame, o mesmo é simples, não exige preparo ou lavagem intestinal e confirma o diagnostico na maioria das vezes e por favor os exames para DST solicite se fizer parte do seu protocolo e pela historia clinica do paciente e nunca pela sua preferência sexual.


2- O constrangimento me fez mudar de profissional, acredita?
O constrangimento é o principal motivo que faz a pessoa desistir da consulta com um proctologista. Muitos pacientes não sabem por onde começar a contar a historia clinica e pedem ansiosos para serem escutados. Já tive casos de pacientes que não falaram nem mesmo para o parceiro que tinham consulta marcada com o proctologista. Essa dificuldade foi muito maior para os pacientes com DST anal e perianal. Imagine ou se coloque no lugar do paciente.
Comentário: Todas as pessoas envolvidas no atendimento aos pacientes proctologicos devem esta preparadas para da ao paciente o maior conforto possível. Geralmente eu peço aos pacientes para examinar somente a região proctologica o que pela minha experiência é o suficiente para uma confirmação diagnostica na quase totalidade dos casos. Procuro sempre ter um dialogo amigo porque além do aspecto constrangedor da consulta em si, há o relato da doença que se for uma DST por exemplo poderá ser muito mas difícil para o medico e paciente. O relato de mudar de profissional foi sempre o mesmo e envolveu três itens:
- Atendimento rápido;
- Falta de dialogo;
- Dificuldade em falar sobre a minha opção sexual. 
-Dificuldade de correlacionar ou adequar o resultado do tratamento a estética da região tratada.
 
3- Opção sexual: Não consegui falar, até tentei, fiquei extremamente ansioso, suava mas ele não me escutou, como falar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário