Neste Blog, o Dr. Paulo Branco irá publicar matérias sobre as suas especialidades, além de responder duvidas e interagir com seus leitores e pacientes.
Fique sempre atualizado para saber das melhores e mais inovadoras técnicas para desenvolver seu bem estar e qualidade de vida.
Envie suas dúvidas e perguntas para: paulobrancoprocto@gmail.com

Youtube - Dr. Paulo Branco

Youtube - Série especial de vídeos

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Hérnias da virilha: Lipoaspiracao


Hérnias inguinais tratadas no Hospital Salt-Integrada.com:

Cirurgião: Dr Paulo Branco
Marcação de consulta:
Monica: 011 – 986663281
Fatima:  011 -  38467973
e-mail. saltintegrada@gmail.com

1- Hérnia Inguinal ou da virilha

- Diagnostico:
 Sinais e sintoma: A hérnia da virilha geralmente se manifesta como um abaulamento doloroso na região da virilha.
Exame medico: Delicadamente o medico palpa a região da virilha nos dois  lados e com o dedo indicador poderá palpar a hérnia dentro do canal inguinal próximo aos grandes lábios.

Duvida diagnostica:
Eu geralmente não tenho dificuldades para confirmar o diagnostico e quando eu tenho duvidas solicito uma ultrassonografia especifica desta região. Eu sempre pesquiso os dois lados pois em cerca de 10% dos casos as hérnias da virilha são bilaterais.
Técnica cirúrgica que realizei:
Na maioria dos casos coloquei uma tela ou prótese para fechar o orifício da hérnia. As cirurgias  na quase totalidade foram realizadas sob anestesia local e sedação e os pacientes tiveram alta no mesmo dia.
Retirada dos pontos: De 7 a 10 dias
Retorno ao trabalho: 7 a 14 dias
Esportes: 30 dias

Comentário: Dr Paulo Branco
O bom senso deverá ser considerado. Acho que a tela deverá ser sempre colocada nos pacientes jovens principalmente nos praticantes de atividades esportivas. Os pacientes foram avisados que a tela levará um tempo para ser incorporada pelo organismo geralmente ocorreu entre 30 a 40 dias e até isso acontecer haverá um abaulamento na região da virilha onde foi colocada a tela.

2- Hérnia umbilical:

Sinais e sintomas:
Presença de uma pequena tumefação na região umbilical ou acima dela, geralmente levemente dolorosa a palpação local. O diagnostico na quase totalidade dos casos foi confirmado somente pelo exame clinico local. O correu que alguns pacientes referiam  um pequeno desconforto local sem achado de hérnia ao exame clinico local. Nestes pacientes solicitei exames radiológicos que confirmaram o diagnostico.

Cirurgia:
A hérnia é formada por um pequeno orifício que será dissecado, isolado e fechado geralmente com pontos. Eu coloquei a tela somente em quatro casos como forma de tratamento deste tipo de hérnia. O procedimento geralmente eu faço com anestesia local, dura aproximadamente 60’ e os pacientes tiveram alta no mesmo dia.


Orientação pós-operatória:
Exercício físico somente: após 30 dias.
Retorno ao trabalho: Geralmente após 7 dias.
Antibioticoterapia: Somente para os casos que coloquei a tela ou para pacientes com risco maior de contrair infecção, como os diabéticos por exemplo.

Hérnia umbilical x lipoaspiração:
Operei algumas pacientes que foram submetidos a lipoaspiração. Realizei a cirurgia alguns meses antes do procedimento estético ou no mesmo tempo e comecei a cirurgia antes da cirurgia plástica.

3- Hérnia Incisional:
Esta hérnia ocorre em locais da parede abdominal onde foram feitas incisões  ou cortes para o tratamento de doenças como apendicites, cálculos de vesícula e cirurgias ginecológicas.

Cirurgia que realizei:
Os procedimentos foram feitos com anestesia raqui ou peridural. O fechamento das hérnias incisionais menores realizei através de sutura chamada em dupla camada e as maiores colocando uma ou mais tela.

Antibióticos:
Prescrevi para todos os pacientes que coloquei a tela e para os idosos.

Tela: As telas usadas para o tratamento cirúrgico das hérnias da parede abdominal tiveram uma grande evolução e as mas modernas são mas facilmente incorporadas pelo organismo. O cirurgião deverá posicionar a tela em local adequado e fazer a sutura com fio da mesma constituição da tela e com o cuidado de não deixar a tela tensa. Eu sempre falo para os pacientes que poderá drenar uma secreção clara ou serosanguinolenta no local da tela. A tela apresenta espaços na sua malha que serão preenchidos pelos anticorpos que produziram o colágeno que incorpora a tela ao organismo em uma verdadeira cimentação o que acontecerá em torno de 30 a 60 dias. Muitos pacientes me ligam assustados pelo abaulamento na região operada e isso ocorre porque ainda não houve tempo para a cimentação acima referida. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário